Exclusivo para assinantes UOL

Opinião: Para salvar a democracia, eleitores devem expulsar a liderança política quebrada

Paulo Sérgio Pinheiro*

Em São Paulo

  • Mauro Pimentel/Folhapress

Um ano depois do impeachment farsesco de Dilma Rousseff, o Brasil mergulhou novamente em uma crise. O apoio já tênue ao presidente Michel Temer evaporou horas depois que foram divulgadas gravações de suas conversas com Joesley Batista, um magnata do agronegócio.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos