Topo

Opinião: Alemanha precisa barrar influência chinesa em sua democracia

REUTERS/Damir Sagolj
Xi Jinping e Angela Merkel conversam durante reunião do G20 em Hangzhou, na China Imagem: REUTERS/Damir Sagolj
Exclusivo para assinantes UOL

Didi Kirsten Tatlow*

Em Berlim

27/01/2018 00h02

Da vez anterior em que morei em Berlim, no ano de 2000, a China havia acabado de comprar um prédio às margens do rio Spree para usá-lo como uma nova embaixada, e sua equipe começou a intimidar as frequentadoras de uma academia...