Estresse da meia-idade faz mulheres engordarem

Marilyn Elias

Experiências dolorosas na meia-idade --um chefe cruel, pais doentes, divórcio-- fazem as mulheres ganharem peso, e não apenas por comerem mais ou se exercitarem menos, relata um grande estudo que será divulgado na quinta-feira (3/3).

"Sob estresse, as pessoas conservam mais gordura, e nós achamos que pode ser o que está acontecendo aqui", disse a psicóloga Tene Lewis do Centro Médico da Universidade Rush, em Chicago. Ela e a co-autora Lynda Powell devem apresentar os resultados do Estudo da Saúde das Mulheres pelo País no encontro da Sociedade Psicossomática Americana em Vancouver, Colúmbia Britânica.

O estudo acompanhou a saúde física e mental de mulheres pré-menopausa dos 40 anos até a menopausa. Os pesquisadores perguntaram a mais de 2 mil mulheres sobre eventos infelizes que vivenciaram no ano passado. Eles também coletaram informação sobre dietas, hábitos de exercício, fumo e menstruação.

Mas mesmo após levarem em consideração muitos fatores que poderiam influenciar o peso, quatro anos depois as mulheres que enfrentaram muito estresse pesavam significativamente mais do que as que enfrentaram menos estresse. Quanto mais coisas ruins elas informavam no ano anterior ao estudo, mais peso elas ganhavam ao longo de quatro anos, descobriram os pesquisadores.

Isto não significa que dieta e exercícios não importem, disse Lewis. Mas o elo entre problemas pessoais e ganho de peso se manteve para todas as mulheres de meia-idade, independente de raça, renda ou grau de instrução.

O estresse pode ser particularmente letal para as mulheres após a menopausa, disse a psicóloga Elissa Epel, da Escola de Medicina San Francisco da Universidade da Califórnia.

Uma pesquisa anterior de Epel mostrou que as mulheres mais jovens com uma grande proporção de sua gordura na área do abdome apresentavam um maior estresse crônico do que as mulheres que apresentavam peso no quadril, que é menos perigoso para o coração.

O estrogênio faz com que mais gordura seja armazenada nos quadris, disse Epel. E quando os níveis de estrogênio nas mulheres despencam após a menopausa, "é um problema duplo, porque não apenas ganham, mas ganham em um local mais perigoso. Elas adquirem o padrão masculino de armazenamento de gordura".

As mulheres não podem controlar muitos fatores estressantes típicos da meia-idade, como pais doentes, ela acrescentou. Mas a formação de fortes amizades e o desenvolvimento de novas metas e prioridades freqüentemente podem ajudar a conter o estresse, disse Epel.

Exercício também ajuda muito a aliviar o estresse, disse Lewis, "e ajuda você a perder peso, de forma que se ganha dois por um. Mas sejam quais forem as técnicas de relaxamento que funcionem para você e melhorem seu humor, são estas as que você deve fazer nesta época de sua vida". E a gordura tende a ser depositada na barriga, aponta pesquisa George El Khouri Andolfato

UOL Cursos Online

Todos os cursos