Buemba! Rubinho se revolta e renega seu habitat natural!

Da Redação Em São Paulo

Monkey News no ar! Hoje está animado: tem a visita do papa ao Oriente Médio, tem o Rubinho, que se revoltou e não quer mais o segundo lugar - que ingratidão, passou a vida inteira no segundo lugar e agora não quer mais! Rararará. Mas antes tem a piada pronta.



Esse papa é bem celebridade. Se o Simão fosse a mãe do papa, sabe o que diria? "Filho, muda o sapato". E sabe como chama o porta-voz do Vaticano? Lombardi! "É com você, Lombardi".

Ontem foi Dia das Mães. O papa está no Oriente Médio, mas a mãe dele está aqui no Brasil e nós a achamos catando uva no Rio Grande do Sul:



Não precisa nem de DNA!

E dizem que o papa chegou em Israel, foi para o lago da Galiléia e quis dar uma volta de barco. O barqueiro disse que custava US$ 80 e o papa achou um absurdo. Aí o barqueiro explicou que o preço era alto porque ali Jesus caminhara sobre as águas. "Também, por esse preço", disse o papa. Sabe como chama o Fome Zero em Israel? Marmitzvah! Rarará.

E o Rubinho se revoltou, não quer mais o segundo lugar. Mas o segundo lugar é o habitat natural dele. Ele disse que se fosse assim, ele ia pendurar as chuteiras. É por isso que ele não anda! O Rubinho corre de chuteiras!



Outra coisa é o bispo do Paraguai, o Lugo. Ele continua um sucesso. No começo da carreira ele não era seminarista era "inseminarista". Rararará. E uma homenagem à mãe do ano:



Uma amiga do Simão disse que queria um marido santo como o papa e fogoso como o bispo. Sabe qual a diferença entre transar com o papa e com o marido? Transar com o papa é pecado, e com o marido é milagre.

Outro assunto é a gripe suína. Os quatro casos confirmados são: Miriam Leitão, o senador Heráclito Fortes, o Luxemburgo e o dono do Porcão. O Brasil é cheio de epidemia. Imagina se o porquinho da gripe pega dengue?



A agenda de epidemia do Brasil é grande: dengue, febre amarela. E uma bimba perguntou para a outra de que o pai dela tinha morrido. "Febre amarela", respondeu. "Ai, que cor horrível!".

E da sessão "Não há reforma ortográfica que dê jeito", um monkeynauta enviou uma foto de uma ponte de Osasco:



O prefeito é companheiro. Está explicado: está escrito em lulês!

Ilustrada
É um lançamento de inverno que vai ser apresentado no São Paulo Fashion Bicha.



É a pintufa!

Cartilha do Lula
Hecatombe = um monte de companheiro em uma kombi.

UOL Cursos Online

Todos os cursos