Estatuto do ombudsman

  • 1. O ombudsman representa os interesses do público junto à Redação. Ao amplificar a voz do público, tem como objetivo colaborar para aprimorar a qualidade do conteúdo produzido pelo UOL.
  • 2. O ombudsman faz a ponte entre o público e a Redação do UOL em assuntos relativos à qualidade, acuidade e isenção jornalística. Para tanto, ele deve receber, investigar e encaminhar críticas e sugestões dos internautas às áreas responsáveis e sempre que possível responder ao público.
  • 3. O ombudsman sempre dará à Redação do UOL e às outras áreas da empresa a possibilidade de se pronunciar, antes de fazer qualquer comentário público.
  • 4. O UOL garante o direito ao sigilo do internauta que se pronunciar, mas não aceitará o anonimato na comunicação com o ombudsman.
  • 5. O internauta precisará ter um e-mail válido para poder fazer comentários no blog do ombudsman.
  • 6. Com o objetivo de manter a discussão em alto nível, todos os comentários do blog serão autorizados pelo ombudsman antes de sua publicação.
  • 7. Informações sobre políticas internas e estratégicas do UOL somente serão divulgadas após autorização da direção.
  • 8. Assuntos relativos a assinatura, cobrança, cancelamento, dúvidas sobre conexão, publicidade, parcerias, afiliados, revendas estão fora do escopo de trabalho do ombudsman e são tratados pelo SAC do UOL.
  • 9. O mandato do ombudsman é de um ano, renovável por mais dois. No exercício do mandato, o ombudsman tem estabilidade.

O que é ombudsman?

Ombudsman é uma palavra sueca que significa representante do cidadão. Surgiu em 1809, para designar o defensor dos cidadãos ameaçados pelo Parlamento. Num sentido ampliado, seguiram-se ombudsmans em empresas, universidades e hospitais. Em 1967, um jornal norte-americano, no Estado de Kentucky, indicou seu ombudsman, iniciando a prática de órgãos da imprensa. Bem antes disso, porém, em 1922 o jornal japonês Asahi Shimbun criou um comitê para receber e investigar reclamações dos leitores. Na América Latina, o jornal Folha de S.Paulo foi o primeiro a ter um ombudsman, a partir de 1989.

Quem é Mara Gama?

Foto: Ana Ottoni
Mara Gama - Foto: Ana Ottoni Mara Gama, 44, é jornalista formada pela PUC de São Paulo e com especialização em Design. Foi repórter das revistas Isto É, Arquitetura e Urbanismo e repórter da MTV Brasil. Na Folha de S.Paulo, foi redatora, repórter e editora-adjunta, passando pelas editorias de Suplementos, Política e Ilustrada.

Integrante da equipe que implantou o UOL em 1996, já desempenhou no portal as funções de Gerente de Informação, Gerente Geral de Criação, Gerente Geral de Entretenimento e Gerente Geral de Qualidade de Conteúdo.

Como Ombudsman e Diretora de Qualidade de Conteúdo, suas principais atribuições são gerenciar a comunicação com o público no que se refere a questões jornalísticas, fazendo a ponte entre os internautas e a Redação do UOL, estimular a participação do público na avaliação e melhoria de qualidade do serviço prestado e coordenar o programa de controle de erros.

Assina também no UOL o BlogDesign, com notícias sobre arquitetura, urbanismo e design.

Busca neste blog