UOL Notícias Ooops!
 

17/02/2010 - 14h06

SBT "cutuca" Globo com nova grade

Ricardo Feltrin
Colunista do UOL

Após as mais longas férias de sua vida, Silvio Santos decidiu “cutucar” a Globo e ignorar a Record no lançamento da nova programação do SBT, no dia 1º de março.

Nesse dia, por volta das 22h30, no horário do programa de Hebe Camargo, será exibido uma espécie de “SBT Repórter”. Com uma hora e meia de duração e apresentado pela modelo Isabella Fiorentino, o programa vai mostrar as novas atrações, filmes e estrelas da programação 2010 da emissora.

 

A grande arma do SBT são os longa metragens cujos direitos foram comprados da Warner. O SBT vai garantir ao telespectador que nenhum dos principais blockbusters será repetido. Terças e sextas serão os “dias dos filmes inéditos” no SBT.

“Agente 86”, “Eu sou a Lenda”, “Batman: Cavaleiro das Trevas” e “Hora do Rush - 3” estão na lista do SBT.

Segundo Ooops! apurou, a emissora de Silvio Santos vai insistir que não reprisará filmes durante o resto do ano. O argumento, na verdade, é uma provocação sobre o hábito da Globo de reprisar alguns filmes além da conta. É possível que o SBT cite isso na campanha publicitária da nova programação. 

Globo terá “Olimpíadas” com artistas
Uma espécie de “Olimpíadas do Faustão”, com famosos disputando, em vez de desconhecidos. Esse é o novo quadro que o “Domingão” lançará com a nova programação anual da Globo.

Vários artistas e estrelas da Globo já estão sendo convocados para gravar o quadro, que hoje é gravado inteiramente em Buenos Aires. A Globo já utilizou outras vezes o expediente de usar celebridades em quadros com apelo popular, como o “Dança no Gelo”.

Para atrair o interesse dos funcionários da casa, Faustão vai dar, além do tradicional cachê aos participantes, sortear um carro 0 km.

Quem é Legal
Jogos de Inverno na Record

Os jogos têm sido um espetáculo de alto nível, e foram quase a única opção da TV aberta para quem não suporta Carnaval, rebolation e outras bobagens anuais.

Quem Irrita
Marco Aurélio Garcia, “doutor” em TV

Ninguém está aqui para defender programas e produções norte-americanos, pois há realmente muita coisa ruim por aí... Mas, não dá para ouvir um assessor presidencial, jeito obtuso, generalizando e dizendo que tudo que é produzido no exterior é “esterco”. Tsk, tsk, tsk... aqui vamos nós de novo na ladainha do “controle” do Estado sobre a cultura e a TV. Tsk, tsk, tsk... essas palavras que escorrem da boca de Garcia não cheiram nada bem. Sugerimos a esse senhor que perca menos tempo atacando produções e veículos privados, e democráticos, e se preocupe mais com aquele lixo estatal chamado TV Brasil.

Veja em vídeo mais notícias exclusivas de TV, cinema, música e patos no programa Ooops! aqui.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,95
    63.257,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host