09h00 05/05/2008

Inter, em fase mágica, chega a 70 mil sócios, um dos dez mais do mundo

"Clube do Povo" vive momento histórico e dá início a uma era na qual não-sócios ficam sem espaço

Nico Noronha, do Pelé.Net

PORTO ALEGRE - O Internacional, campeão gaúcho 2008, título alcançado com uma incrível goleada por 8 a 1 sobre o Juventude neste domingo, vive uma fase que impressiona. Além dos títulos que vem acumulando nas últimas temporadas, está se destacando como um dos clubes com maior número de sócios no planeta, apontando um caminho que parece ser, acima de tudo, uma solução para problemas financeiros das agremiações do futebol brasileiro.

Divulgação
Beira-Rio: só para quem paga mensalidade
A decisão deste domingo contou com 42.486 torcedores no estádio, sendo que os vermelhos - 41 mil deles - todos sócios. O chamado "Clube do Povo", denominação histórica devido ao fato de que na primeira metade do século passado foi o primeiro a aceitar torcedores de todas as raças em seus quadros, ganhando popularidade rápida e crescente, dá início a uma nova era, na qual torcedores comuns ficam sem espaço.

Pesquisa divulgada pelo jornal francês L'Equipe em março deste ano apontou os dez clubes do mundo com maior número de associados. Na 10ª posição aparecia a Juventus, da Itália, com 68.900 mil. Como nesta semana que antecedeu a decisão do Gauchão o Sport Club Internacional alcançou à casa dos 70 mil, o número significa ter desbancado a "Juve". "A informação mais recente que tenho, é de que chegamos a 70.073 sócios", revelou na noite deste domingo o vice-presidente de futebol Giovanni Luigi.

OS DEZ CLUBES COM MAIS SÓCIOS EM TODO O MUNDO
1) Benfica-POR170.645
2) Barcelona-ESP157.122
3) Manchester United-ING151.079
4) Bayern Munique-ALE146.592
5) Porto-POR115.411
6) Sporting-POR93.702
7) Real Madrid-ESP92.793
8) River Plate-ARG82.155
9) Schalke 04-ALE72.465
10) Internacional-BRA70.073
LEIA MAIS SOBRE O INTER
"Nos desagrada ver torcedores com a nossa camisa querendo ingressos e não ter acesso a eles, mas temos de ser fiéis aos sócios", declarou Décio Hartmann, vice-presidente de administração do Inter, dando explicações num momento em que colorados esbravejavam por não terem acesso ao estádio na partida decisiva do Estadual.

"Como poderemos deixar de ser fiéis com aqueles que, mesmo em meses como dezembro e janeiro, quando não há jogos para ver, seguem pagando a mensalidade ao clube?", pergunta Hartmann, de forma convincente.

O Inter vem adquirindo uma média de 350 sócios por dia nas últimas semanas e a previsão é de que serão 80 mil no começo do Campeonato Brasileiro. A meta proposta no começo desta temporada, de chegar aos 100 mil em 2009, ano do centenário, será atingida se o ritmo for mantido.

As adesões se dão no próprio estádio, na Central de Atendimento aos Sócios; também pela Internet; e através de uma empresa de telemarketing parceira do clube. Pelo interior do Estado, em todas as localidades, se espalha o projeto denominado "Rio Grande Vermelho", tendo como objetivo fazer com que 1% de cada município se associe.

O Internacional está, definitivamente, inaugurando uma nova relação com os torcedores. A receita social será suficiente para manter a folha de pagamento dos atletas, as incômodas filas por ingressos serão extintas e apenas será preciso definir como fazer para contentar os torcedores eventuais. Há que se pensar na situação deles.




© Copyright Zipsports Ltda. Todos os direitos reservados

Shopping UOL