Quarta - 01/11

Brasileiro

21h45 - Fortaleza x Corinthians


Folha Imagem
Maurinho: prioridade
20h00 25/01/2006

Sem aval, Tricolor vê Maurinho próximo

São Paulo garante que está perto de contratar o lateral-direito do Cruzeiro. Time e atleta desconhecem a negociação.

Do Pelé.Net e Pedro Ivo Martins

SÃO PAULO e MINAS GERAIS - Prioridade na lista de reforços do São Paulo desde que o lateral-direito Cicinho foi para o Real Madrid, Maurinho vive atualmente um impasse. Os diretores do clube paulista garantem estar perto de um acerto com o ala, mas o Cruzeiro desconhece a negociação.

O problema é que, para poder contar com Maurinho, o São Paulo precisa negociar com duas partes. O lateral-direito tem 50% de seus direitos federativos presos ao Cruzeiro, e a outra metade pertence ao centroavante Luizão.

"Como em vários casos do futebol atual, o jogador parece uma pizza. Ele está dividido em várias partes, e não podemos definir nada antes de termos fechado com todos os pedaços. Temos que negociar com o clube, com ele e com o Luizão, que é dono de uma parcela dos direitos federativos. Isso complica as coisas", admitiu o superintendente de futebol do São Paulo, Marco Aurélio Cunha.

Menos comedido, o diretor de planejamento do São Paulo, João Paulo Jesus Lopes, garante que o clube está perto de acertar com o lateral-direito do Cruzeiro: "As coisas estão bastante adiantadas, é verdade. Estamos conversando e esperamos ter uma definição positiva nos próximos dias".

Enquanto o São Paulo está otimista, o Cruzeiro garante desconhecer o interesse tricolor por Maurinho. "Ele é um grande jogador e, como qualquer grande jogador, recebe sondagens de outras equipes. Mas não recebemos nenhuma proposta oficial por ele", garantiu o diretor de futebol do clube mineiro, Eduardo Maluf.

O dirigente também acredita que o São Paulo não está negociando para adquirir a parte dos direitos de Maurinho que pertence ao centroavante Luizão: "Nós temos prioridade na compra desses 50% e ele [Luizão] não poderia vender para ninguém sem nos consultar".

Assim como o diretor do Cruzeiro, Maurinho demonstrou desconhecer o interesse do São Paulo. "Estou no Cruzeiro trabalhando para voltar aos gramados e não fui consultado por ninguém", assegurou o lateral, que se recupera de lesão e não atua há quatro meses.

O jogador também descartou um acerto entre São Paulo e Luizão. "Ele não me falou nada, e não venderia a parte dele sem me consultar. Ele não pode me mandar para um lugar que eu não queira ir e está consciente disso", lembrou o lateral.

Distante de um acerto com o São Paulo, Maurinho não descartou a possibilidade de defender o clube paulista: "Trata-se de uma grande equipe e é claro que qualquer um gostaria de jogar lá. Mas estou com a cabeça no Cruzeiro, que é o meu presente".

Os elogios também partiram dos diretores do São Paulo para o lateral do Cruzeiro. "Ele é um grande jogador e é claro que gostaríamos de contar com ele", enalteceu Marco Aurélio Cunha. "Trata-se de uma opção excelente e, se realmente for contratado, será um reforço contundente para o nosso elenco", completou João Paulo Jesus Lopes.


Veja também

  Leia o que já foi publicado sobre o São Paulo



Computando seu voto...
Carregando resultado

Total de votos:
© Copyright Zipsports Ltda. Todos os direitos reservados

Shopping UOL