UOL Notícias Política
 

13/03/2009 - 10h53

Prefeita de Fortaleza passa mal em evento e é internada com pressão alta

Lauriberto Braga
Especial para o UOL Notícias
Em Fortaleza
Atualizada às 12h07

A prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins (PT), 40, está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional da Unimed após ter passado mal na noite de ontem (12). Ela participava do lançamento de um livro sobre a Mulher, no Mercado dos Pinhões, na capital cearense, quando teve uma crise de pressão alta.

O quadro de saúde da prefeita, segundo informações de sua assessoria, é estável, mas ela ainda vai ficar em observação por tempo indeterminado. Ela já recebeu visita de familiares e assessores.

Hoje ainda Luizianne vai se submeter a uma série de exames. O secretário de Saúde de Fortaleza, Alexandre Mont'Alverne, acompanha a prefeita na UTI e disse que ela foi internada com cefaléia (fortes dores de cabeça) decorrente de um pico hipertensivo (elevação significativa e progressiva da pressão arterial). Ele negou que a prefeita tenha tido um aneurisma cerebral. "Os exames descartaram a possibilidade de aneurisma cerebral. Agora ela vai ter que se cuidar mais, tomar remédios. É a ditadura da doença", revelou o secretário, que é clínico geral.

TSE mantém mandato do deputado Clodovil Hernandes

Clodovil trocou de partido, mas o TSE julgou que ele não merecia ser punido

Uma nota de esclarecimento do gabinete da prefeita informou hoje que ela passou bem a noite, após ser medicada. Segundo a nota, Luizianne Lins "está internada na UTI para realização de exames, monitoramento e controle de sua pressão".

De acordo ainda com o documento, "Luizianne procurou o Hospital Regional da Unimed por volta das 21 horas, por conta de uma forte dor de cabeça". O diagnóstico dos médicos, que resolveram levar a prefeita para a UTI, foi que ela "teve um pico hipertensivo".

No final de julho do ano passado, Luizianne Lins passou três dias internada no Hospital Sirio Libanês, em São Paulo. Na época, ela passou por uma bateria de exames e recebeu alta após o check up. Luizianne estava em plena campanha pela reeleição. Ultimamente a prefeita tem apresentado quadros de indisposição, tendo inclusive cancelado alguns eventos políticos e de inauguração.

A prefeita cumpre seu segundo mandato e ainda não nomeou o novo secretariado. O acordo para a nomeação do primeiro escalão se arrasta desde a reeleição, em outubro passado. O principal entrave é a entrada do PMDB na administração municipal. O partido quer quatro secretarias.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,39
    5,761
    Outras moedas
  • Bovespa

    18h55

    2,49
    96.294,89
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host