UOL Notícias Política
 

05/05/2009 - 13h57

TSE cancela mais de 551 mil títulos de eleitor

Yara Aquino
Da Agência Brasil
Em Brasília
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cancelou 551.456 títulos de eleitor de pessoas que não votaram e nem justificaram a ausência nas últimas três eleições. O total corresponde a 0,43% do eleitorado brasileiro.

O Estado de São Paulo foi a unidade da Federação com o maior número de títulos de eleitor cancelados, considerando o número absoluto - 145 mil. Também em números absolutos, Roraima foi a unidade da Federação com o menor número de eleitores que perderam o título - 1,6 mil.

Sem o título de eleitor não é possível, por exemplo, fazer inscrição em concursos públicos, tirar carteira de identidade, passaporte ou renovar matrícula em instituição de ensino oficial ou fiscalizada pelo governo.

Também não é possível obter empréstimos em bancos públicos, e os servidores vinculados ao governo que tiverem o título de eleitor cancelado não recebem o salário.

Quem perdeu o prazo de regularização e teve o título cancelado ainda pode reativar o documento para votar nas próximas eleições. Para tanto, é preciso ir ao cartório com documento de identidade ou o título de eleitor e pagar as multas estabelecidas. As informações são do TSE.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,45
    4,186
    Outras moedas
  • Bovespa

    18h24

    -0,96
    118.376,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host