UOL Notícias Política
 

21/09/2009 - 15h01

Senadores sabatinam Múcio amanhã e Toffoli na semana que vem

Do UOL Notícias
Em São Paulo e Brasília*
A Comissão de Assuntos Econômicos do Senado se reúne amanhã (22) para sabatinar o ministro das Relações Institucionais, José Múcio Monteiro, indicado para o cargo de ministro do Tribunal de Contas da União.

A indicação, feita pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, precisa ser aprovada pelos senadores.

O presidente também indicou o atual advogado-geral da União, José Antonio Dias Toffoli, para ministro do Supremo Tribunal Federal. Ele deve ocupar a vaga deixada pelo ministro Carlos Alberto Menezes Direito, que morreu no início do mês.

A indicação também precisa passar pelos senadores. A sabatina dele está marcada para 30 de setembro, na Comissão de Constituição e Justiça.

Parecer favorável para Múcio
O senador Sérgio Guerra (PSDB-PE) afirmou na quinta-feira (17) que apresentará parecer favorável à indicação do ministro das Relações Institucionais, José Múcio Monteiro, para o TCU.

José Múcio foi eleito deputado federal em 2006 pelo PTB de Pernambuco. Nos anos 90 chegou a presidir o PFL (hoje DEM) e já foi filiado ao PSDB - ambos partidos de oposição ao governo Lula.

Antes de integrar o ministério, Múcio foi líder do governo Lula na Câmara dos Deputados.

Toffoli é qualificado para o STF, diz Gilmar Mendes

Segundo o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, Toffoli tem realizado "um bom trabalho" na AGU.

Toffoli foi advogado do PT
Antonio Dias Toffoli foi advogado do PT nas campanhas de Lula nos anos de 1998, 2002 e 2006. Antes, em 1995, ingressara na Câmara dos Deputados como assessor parlamentar da liderança do partido, que exerceu até o ano 2000.

Trabalhou com nomes como o deputado federal Arlindo Chinaglia (PT-SP), de quem foi assessor, e o então ministro José Dirceu, com quem esteve na Casa Civil, nomeado para a subchefia de Assuntos Jurídicos (2003 a 2005). Em 2001, foi chefe de gabinete da Secretaria de Implementação das Subprefeituras do município de São Paulo, na gestão Marta Suplicy (PT).

Com o apoio de petistas, a costura para a nomeação de Toffoli já vinha se delineando desde a nomeação à AGU. Mas o escolhido nem sempre agiu de acordo com os interesses da Presidência no cargo.

* Com informações da Agência Brasil

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,04
    4,393
    Outras moedas
  • Bovespa

    18h19

    -0,79
    113.681,42
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host