Bolsonaro faz fisioterapia e caminha pelo quarto sem dor, diz hospital

Diogo Max

Colaboração para o UOL, em São Paulo*

  • Dario Oliveira/Estadão Conteúdo

O candidato à Presidência da República pelo PSL, Jair Bolsonaro, fez fisioterapia e já caminha pelo quarto sem apresentar dor, de acordo com boletim médico divulgado na noite desta sexta-feira (14) pelo Hospital Albert Einstein, em São Paulo.

Pelo Twitter, Bolsonaro brincou com seus seguidores ao comentar sobre seu exercício físico. "Espero estar apto a fazer flexões em breve", afirmou.

A equipe médica afirma ainda que o candidato do PSL permanece internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva), sem febre e sem sinal de infecção. As visitas ao deputado federal ainda estão restritas somente a pessoas autorizadas pela família.

O boletim é assinado pelos médicos Antônio Luiz Macedo, cirurgião que coordena a equipe de atendimento a Bolsonaro, pelo clínico e cardiologista Leandro Echenique e pelo diretor superintendente do Einstein, Miguel Cendoroglo.

Segundo uma fonte que tem acompanhado a família de Bolsonaro, o candidato tem se mostrado mais disposto do que antes da segunda cirurgia, e os aliados já cogitam que ele tenha alta até o final da semana que vem. Os médicos não fizeram previsões oficiais.

Estado de saúde agravou-se nesta semana

Bolsonaro foi esfaqueado durante um ato de campanha no início deste mês em Juiz de Fora (MG). Uma veia abdominal e os dois intestinos foram atingidos. Ele passou por uma cirurgia na Santa Casa da cidade, sendo transferido para São Paulo na manhã do dia 7.

Veja como foi o ataque a Jair Bolsonaro em Juiz de Fora (MG)

Ao longo desta semana, o presidenciável demonstrou sinais de evolução, chegou a sair da UTI para uma unidade de cuidados semi-intensivos, mas voltou a passar por uma situação delicada na noite da última quarta-feira. Bolsonaro fez uma cirurgia de emergência por conta de uma obstrução no intestino.

A expectativa dos médicos era de que o candidato deveria ficar internado entre uma semana e 10 dias. Agora, não há previsão de alta do candidato.

Em nova pesquisa Datafolha, divulgada na noite desta sexta-feira (14), Bolsonaro lidera as intenções de votos, com 26% da preferência do eleitorado nacional.

* Colaborou Gustavo Maia, do UOL, em São Paulo

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos