Brasil estará livre da febre aftosa em três anos, diz ministro

Da Redação*
Em São Paulo

Todo o território nacional deverá estar livre da febre aftosa dentro de três anos. A meta foi anunciada pelo ministro da Agricultura, Reinhold Stephanes, durante encontro com lideranças do agronegócio na Federação da Agricultura e Pecuária do Pará, nesta sexta-feira (8). Segundo o ministro, o governo vem trabalhando intensivamente de forma bilateral com países que fazem fronteira com o Brasil, como Paraguai, Bolívia e Venezuela e, multilateralmente, com organismos internacionais visando eliminar a aftosa no continente.

Stephanes disse, ainda, que o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento deve realizar, em breve, auditoria na estrutura de defesa agropecuária do estado com o objetivo de avaliar o risco de febre aftosa no Pará. Hoje, 44 municípios da região centro-sul do estado são reconhecidos internacionalmente como livres de febre aftosa com vacinação. A meta agora é estender este reconhecimento para as demais regiões.

*Informações do Ministério da Agricultura

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos