Presidentes do Brasil e do Peru discutem integração energética e impacto da crise

Yara Aquino
Da Agência Brasil
Em Brasília

Os presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Alan García, do Peru, se reúnem hoje (28) em Rio Branco, capital do Acre, para discutir temas como integração energética, desenvolvimento fronteiriço, comércio e o impacto da crise financeira internacional na América do Sul.

Eles devem assinar acordos nas áreas de apoio a micro e pequenas empresas, saúde pública, ensino técnico e profissionalizante, pesquisa agropecuária e interconexão energética. Sobre esse último ponto, está prevista a assinatura de acordo para estudos de viabilidade da construção de seis usinas hidrelétricas em território peruano.

Os detalhes do projeto ainda não estão definidos, de acordo com a Eletrobrás, por isso ainda não é possível precisar o modelo de construção das usinas e da utilização da energia que será gerada.

No último dia 16, os chanceleres do Brasil, Celso Amorim, e do Peru, José Antonio García, estimaram que o total de investimentos para a construção das usinas será de US$ 4 bilhões. Os recursos viriam da iniciativa privada e a Eletrobrás será responsável por repassar o conhecimento técnico sobre a construção das hidrelétricas e a operação de sistemas elétricos.

Outro tema em pauta é a construção da Rodovia Interoceânica Sul, com conclusão prevista para 2010. A rodovia garantirá o acesso dos produtos brasileiros e peruanos ao Oceano Pacífico.

No encontro de trabalho, Lula e García vão discutir ainda formas de estimular o aumento do comércio entre os dois países. "Existem vários entraves que podem, facilmente, ser superados por meio de uma coordenação melhor entre os dois países", explicou o porta-voz da Presidência da República, Marcelo Baumbach.

Paralelamente à reunião entre os presidentes será realizado encontro com cerca de 200 empresários brasileiros e bolivianos. Lula e García vão participar do encerramento do Foro Empresarial Brasil-Peru.

Em maio do ano passado, o presidente Lula esteve no Peru, onde empresários brasileiros e peruanos também se reuniram. Em discurso, no encerramento do evento, Alan García cobrou mais investimentos dos empresários brasileiros em seu país. Ele reclamou que os investimentos da Petrobras no Peru caminham lentamente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos