Garotinho sai do PMDB para ser candidato ao governo do Rio pelo PR

Piero Locatelli
Do UOL Notícias
Em Brasília

Anthony Garotinho desfiliou-se do PMDB nesta quarta-feira (10). O objetivo do ex-governador do Rio de Janeiro é concorrer ao governo do Estado pelo PR nas eleições de 2010.

Em uma rápida passagem por Brasília nesta manhã, Garotinho reuniu-se com o presidente licenciado do PMDB, Michel Temer (SP), e com a atual presidente do partido, Iris Rezende (GO), em seus gabinetes na Câmara dos Deputados.

Segundo ele, não há problemas com as lideranças ou com a bancada do partido, mas sim com o atual governador Sérgio Cabral, provável candidato à reeleição.

"O governo dele é do forte contra os fracos e do fraco contra os fortes, eu não posso aceitar isso", disse. Garotinho criticou, em específico, a construção de muros nas favelas cariocas. Devido aos muros, o ex-pemedebista disse ser impossível enxergar-se no mesmo palanque que Cabral em 2010.

Apesar da saída de Garotinho da legenda, o restante da família do político vai continuar no PMDB -sua filha Clarissa, vereadora, e sua mulher Rosinha, prefeita de Campos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos