Vereador de São Paulo chega a gastar R$ 13,5 mil num mês com correio

Haroldo Ceravolo Sereza
Do UOL Notícias
Em São Paulo

Dois dos vereadores de São Paulo que mais gastaram em maio usaram quase 90% da verba de gabinete a que têm direito com envio de correspondências, segundo dados divulgados na prestação de contas do site da Câmara de Vereadores da cidade.

Dalton Silvano (PSDB), o vereador que mais gastou no mês, de um total de R$ 15.116,48, usou R$ 13.488,30 com "despesas de correio". Isso representa 89% dos gastos de Silvano no mês. Marta Costa (DEM), proporcionalmente, gastou quase o mesmo com a rubrica, 88% - de R$ 13.923,78, o correio consumiu R$ 12.306,85.

O envio de uma carta simples (até 20 g) custa R$ 1. O de um materiais impressos (como folhetos), no máximo R$ 0,65 a unidade. Nos dois casos, o prazo de entrega é de 3 a 5 dias, segundo os Correios.

Além do envio de correspondência, os dois vereadores gastaram significativamente com o aluguel do carro disponibilizado pela Câmara: R$ 1.616,93 por mês para cada parlamentar.

O total de gastos do vereador no período pode ser maior. Os números apresentados nesta reportagem são relativos ao fechamento realizado pela Câmara até sexta-feira (3). Os parlamentares ainda podem apresentar novos gastos, desde que devidamente comprovados.

No final do mês de maio, por exemplo, a prestação de contas do vereador Carlos Apolinário (DEM) apresentava um gasto de apenas R$ 12,45 em abril. Agora, a prestação do mês de abril foi atualizada para R$ 87,45. A prestação do mês de maio do vereador José Police Neto (PSDB) apresentava, na sexta (2), gasto de R$ 0 - o UOL Notícias entrou em contato com o gabinete do vereador que informou que o valor deve mudar: a atualização do site ocorreu antes que ele apresentasse seus gastos, de R$ 1.796,17 (R$ 12 de correio).

O limite de gastos por mês de cada um dos 55 vereadores de São Paulo é de R$ 14.859,38, mas o parlamentar pode ultrapassá-lo caso, nos meses anteriores, não tenha atingido o teto.

De janeiro a maio, os gastos de Marta Costa ficaram muito perto deste teto, totalizando R$ 73.143,03 - ou seja, uma média de R$ 14.628,61 por mês. O gasto médio de Dalton Silvano de janeiro a maio foi de R$ 11.386,44.

O UOL Notícias procurou os gabinetes de Dalton Silvano e Marta Costa para que comentassem os gastos, mas não obteve resposta até 20h30 de sexta-feira (3/7). A assessoria de Silvano disse que não foi possível localizar o parlamentar, o que teria sido dificultado pelo fato de a Câmara estar em recesso.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos