Intestino de Alencar não funciona completamente, mas quadro era esperado, dizem médicos

Do UOL Notícias
Em São Paulo

Atualizada às 19h
Mesmo com a cirurgia para desobstrução realizada na última sexta-feira, o intestino do vice-presidente da República, José Alencar, não voltou a funcionar completamente, segundo boletim médico divulgado nesta quarta-feira (29) pelo Hospital Sírio-Libanês nesta quarta-feira.

Mas de acordo com a equipe médica que participou da cirurgia esse tipo de situação é normal. Os médicos voltaram a afirmar que o quadro de saúde de José Alencar evolui bem e de acordo com o esperado.

José Alencar vinha ingerindo uma combinação de alimentos pastosos e líquidos, mas nesta quarta-feira foi necessário modificar a dieta e usar apenas alimentação líquida.

A alteração na dieta deverá ser mantida até que o intestino do vice-presidente volte a funcionar normalmente.

Ainda segundo os médicos o vice-presidente está tranqüilo e até recebeu, nesta quarta-feira, as visitas do ministro do Trabalho, Carlos Lupi, e do governador de Minas Gerais, Aécio Neves.

Por enquanto não há previsão de alta para o vice-presidente. A possível viagem de José Alencar para os Estados Unidos, pré-agendada para o dia 4 de agosto, para dar continuidade ao tratamento experimental que vinha fazendo, vai depender da evolução do quadro pós-operatório.

Alencar foi submetido a uma nova cirurgia na tarde da última sexta-feira (24) durante cerca de quatro horas e meia para corrigir uma semi-obstrução do intestino grosso identificada na altura do reto. Os médicos fizeram uma colostomia, procedimento em que parte do intestino é ligado a uma sonda externa para passagem do material fecal.

Ao fim da operação, a equipe médica afirmou estar "satisfeita com o resultado", pois Alencar "reagiu muito bem ao procedimento". De acordo com o oncologista Paulo Hoff, a colostomia já havia sido sugerida na cirurgia anterior, feita no dia 9 deste mês, mas o vice-presidente preferiu não fazê-la na ocasião.

Hoff disse que Alencar teve uma obstrução baixa, próxima do reto, provocada por dois tumores. Isso o fez sentir dores no meio da noite e retornar ao hospital na manhã de sexta-feira, um dia após receber alta de outra cirurgia.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos