Para Lula, presente de aniversário é crescimento da economia e eleições "civilizadas"

CLÁUDIA CHRYSTINA DE OLIVEIRA

Ao ganhar uma festa de aniversário de 64 anos na manhã deste sábado, em Brasília, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse quais eram os seus pedidos. E destacou a economia e as eleições do ano que vem.

"O pedido foi para que o Brasil cresça muito bem no ano de 2010 porque, se conseguirmos crescer mais ou menos 5%, 4,5%, significa que a crise acabou no Brasil", disse.

Para Lula, um crescimento contínuo neste ritmo levará o país para o quinto lugar entre as maiores economias do mundo. "A gente pode ter alguns anos de crescimento contínuo para que a gente possa estabelecer na prática aquilo que o Banco Mundial está dizendo, que em 2016 o Brasil pode ser a quinta economia mundial. Se isso acontecer, é tudo que o povo precisa e tudo que o povo quer".

O presidente também disse que deseja que o processo eleitoral do ano que vem seja "civilizado".

"As eleições são sempre um momento extraordinário de consagrar a democracia no país, mas é importante que as campanhas sejam civilizadas, com interesse de politizar a sociedade".

Lula disse que a sociedade deve compreender que "vale a pena ter campanha a cada dois anos no Brasil".

A festa reuniu petistas, turistas e simpatizantes que foram cumprimentar e tirar fotos com o presidente, na frente do Palácio da Alvorada. O repertório da banda da Presidência teve, além do tradicional "Parabéns pra Você", o hino do Corinthians e a música "Amigos para Sempre".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos