Tarso Genro defende vinculação de recursos orçamentários para a área segurança

Claudia Andrade
Do UOL Notícias
Em Brasília

O ministro Tarso Genro (Justiça) defendeu nesta quarta-feira (28), em audiência pública na CPI da Violência Urbana da Câmara dos Deputados, a vinculação de recursos orçamentários para a área de segurança pública. Para o ministro, a medida facilitaria o acompanhamento da aplicação dos recursos pela população. "Eu sou favorável à vinculação de recursos para a segurança, até para ter um controle social no uso desses fundos".

O ministro afirmou que o assunto deve ser debatido com os integrantes da Comissão Mista de Orçamento do Congresso para que o dinheiro seja reservado, já no Orçamento de 2010, para a segurança. "Temos que fazer um trabalho junto à comissão de orçamento para que se outorgue a vinculação e, nos próximos seis anos, nós possamos fazer uma transição no Rio de Janeiro".

Para Tarso Genro, seria necessária a criação de um comitê público para acompanhamento da aplicação do dinheiro. "Seria necessária uma gestão compartilhada com um comitê público, não estatal, de pessoas que observem a aplicação adequada desses recursos, como acontece no SUS (Sistema Único de Saúde)".

Além da saúde, a área de educação é outra que tem sua fatia vinculada ao orçamento.

Na reunião com os parlamentares, o ministro afirmou ainda que são necessárias ao menos 50 unidades pacificadoras nas comunidades da capital fluminense para mudar o cenário de insegurança. Atualmente, há cinco UPPs (unidades de polícia pacificadora) no Rio em comunidades com histórico de violência.

Nesta terça, após reunião com o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, o ministro afirmou que o ritmo de investimentos precisaria triplicar para que a cidade se tornasse segura para as Olimpíadas-2016.

Até o fim deste ano, o Ministério da Justiça deverá repassar R$ 131,8 milhões ao Rio. De janeiro até agora, foram R$ 121,3 milhões para investimento em segurança.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos