Brasil vai começar 2010 em situação confortável, diz presidente

Da Agência Brasil

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou hoje (28) que o Brasil vai entrar em 2010 em situação confortável. Em seu programa semanal Café com o Presidente, ele destacou o crescimento da economia, a geração de novos postos de trabalho e o aumento do salário mínimo acima da inflação.

Lula citou também o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), o programa Minha Casa, Minha Vida e a descoberta de petróleo na camada pré-sal. Para ele, a indústria automobilística voltou a investir no país e um mercado interno forte será capaz de segurar parte da economia no próximo ano.

"Tem gente que fala que a economia vai crescer 6%, tem gente que fala que vai crescer 5%, tem gente que fala que vai crescer 5,5%. Eu não quero dizer nenhum número, só quero dizer que a economia brasileira vai crescer o suficiente para que a gente gere os empregos necessários e gere os aumentos de salários necessários", afirmou.

Lula acredita que a economia mundial começa a se recuperar - mesmo que "lentamente" - e que isso abre caminho para o crescimento das exportações brasileiras. Segundo o presidente, é preciso intensificar a abertura de novas áreas de comércio como a Ásia, o Oriente Médio e a África, além da própria América Latina. "Isso vai fazer com que 2010 seja um ano altamente positivo para o Brasil."

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos