Novo ministro da Justiça deve ser anunciado no início da próxima semana

Marcos Chagas

Da Agência Brasil<br>Em Brasília

Primeiro ministro da equipe do presidente Luiz Inácio Lula da Silva a deixar o cargo, Tarso Genro disse nesta terça-feira (2) que o nome de seu sucessor deve ser anunciado três dias antes de sua saída oficial no dia 10 de fevereiro. Na conversa que teve hoje (2) com o presidente Lula foram analisados os nomes do atual secretário executivo, Luiz Paulo Barreto, e do deputado José Eduardo Cardozo (PT-SP).

“Ele [Lula] fez uma avaliação de todo o quadro, levantou esses nomes que vocês estão acostumados a divulgar agora, mas só vai fazer sua opção provavelmente três dias antes do dia 10”, disse o ministro da Justiça ao deixar o Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), sede provisória do governo.

Na reunião, Tarso Genro disse ao presidente que os dois nomes “são absolutamente compatíveis” para assumir o Ministério da Justiça até dezembro. Aos jornalistas, ele ressaltou que a escolha pessoal de Lula ocorrerá “em função dos critérios que ele adotar nas substituições”.

O ministro informou que já tinha encaminhado o pedido de exoneração ao presidente para que sua saída ocorresse no dia 10. Na reunião, ele apresentou um relatório dos projetos em andamento com o objetivo de demonstrar que não haverá qualquer problema de continuidade com a antecipação de sua saída da equipe ministerial.

“Os projetos estão todos fechados, com bom nível de andamento e a relação federativa que estabelecemos com relação à segurança pública já começa a dar resultados no país”, afirmou Tarso.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos