Barreto assume amanhã Ministério da Justiça

Renata Giraldi
Da Agência Brasil
Em Brasília

O novo ministro da Justiça, Luiz Paulo Telles Barreto, assume amanhã (10), às 10h, o comando da pasta. Atualmente ele é secretário executivo do ministério. Nos três anos da gestão de Tarso Genro e no período anterior, de Márcio Thomaz Bastos, Barreto foi assessor direto dos ministros. Funcionário de carreira do ministério há mais de 25 anos, Barreto é especialista em Direito Internacional Público e Migrações.

No ano passado, Barreto divergiu de Tarso ao defender a extradição do ex-ativista italiano Cesare Battisti – acusado de envolvimento em assassinatos na Itália. Tarso é favorável à manutenção do italiano no Brasil. O caso está nas mãos do presidente Luiz Inácio Lula da Silva que vai decidir se Battisti deve ser extraditado.

Por oito anos, Barreto foi diretor do Departamento de Estrangeiros do Ministério da Justiça. Ele foi o responsável direto pela elaboração e execução do Estatuto dos Refugiados no Brasil e criação do Comitê Nacional para os Refugiados (Conare).

Na despedida hoje (9) do cargo, Tarso elogiou a competência de Barreto. O novo ministro da Justiça foi um dos principais articuladores para criação do Departamento de Recuperação de Ativos, em 2003, e do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci).

Desde 2004, Barreto coordena o Conselho Nacional de Combate à Pirataria e Delitos contra a Propriedade Intelectual (CNCP).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos