Sobrinho de Arruda se entrega à Polícia Federal

Luana Lourenço
Da Agência Brasil
Em Brasília

Decisão de prender Arruda é boa ou ruim para a política?

O sobrinho e secretário particular do governador afastado do Distrito Federal, José Roberto Arruda, Rodrigo Arantes, se entregou hoje (11) à Polícia Federal (PF) e está preso na superintendência da PF em Brasília.

Arruda também está preso na superintendência, porém em outro prédio, no do Instituto Nacional de Criminalística. Além de Arruda e Arantes, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) também determinou a prisão de outros três envolvidos na tentativa de suborno do jornalista Edmilson Edson dos Santos, conhecido como Edson Sombra, testemunha do esquema de corrupção que atingiu o governo do DF, empresários e deputados distritais.

  • Lula Marques/Folha Imagem

    Manifestantes protestam contra Arruda em frente à sede da Polícia Federal em Brasília; o governador do DF teve a prisão preventiva decretada pelo STJ e se entregou à PF

São eles o ex-deputado Geraldo Naves, o ex-secretário de Comunicação do DF Wellington Moraes e o ex-diretor de Operações da Companhia Energética de Brasília (CEB) Haroaldo Brasil de Carvalho.

O governador ainda aguarda decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, sobre um pedido de habeas corpus impetrado por sua defesa para que ele seja solto.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos