PSB defende intervenção federal no DF

Marcos Chagas
Da Agência Brasil

O PSB foi um dos primeiros partidos a se manifestar oficialmente sobre o pedido de intervenção federal no Distrito Federal. Para o partido, a medida é necessária para tentar superar a crise instituída no governo da capital do país.

O líder do partido na Câmara, Rodrigo Rollemberg (DF), disse que a medida asseguraria “a vigência dos valores e das instituições democráticas”.

“Sem a intervenção federal a própria lisura das eleições de 2010 estará ameaçada”, acrescentou o parlamentar.

Ontem, o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, pediu a intervenção ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Na ação, o procurador argumenta que tanto o vice-governador Paulo Octávio quanto o presidente da Câmara Legislativa do Distrito Federal, Wilson Lima, não tem isenção para governar uma vez que também estão sob investigação.

Rodrigo Rollemberg, por sua vez, afirmou que, no caso de Brasília sofrer uma intervenção federal, o PSB defende que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva nomeie “uma pessoa íntegra, republicana, democrática e apartidária”.

Rollemberg lembrou o nome do ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Sepúlveda Pertence como uma das opções.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos