"Temos muito o que mostrar", afirma Dilma no Congresso Nacional do PT

Lisiane Wandscheer
Da Agência Brasil
Em Brasília

A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, fez hoje (18) um balanço das ações do governo federal para as delegações internacionais que participam do 4º Congresso Nacional do Partido dos Trabalhadores (PT).

“Eu fiz um discurso sobre o presente e o futuro, e nós temos muito o que mostrar. É fácil para nós”, afirmou ao participar da abertura do evento.

O congresso ocorre até sábado (20), no Centro de Convenções Ulysses Guimarães. O encontro reúne 1.350 delegados, para discutir as eleições deste ano e a política de alianças do partido.

No sábado, Dilma será indicada, oficialmente, pelo partido, como pré-candidata à Presidência da República. A ministra disse que, em 30 dias, deixará o cargo, por causa das eleições, e que até lá tudo permanece igual.

Perguntada sobre a declaração do ex-ministro da Casa Civil José Dirceu de que ele não ficará mais na clandestinidade e ajudará a campanha dela, Dilma disse que o apoio será benvindo.

“Ele é um dirigente do partido e como tal será considerado. Todos os dirigentes e militantes do PT são benvindos até porque deles eu dependo para me eleger”, destacou a ministra. Dilma afirmou que já reservou uma roupa vermelha para usar no sábado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos