Executiva do DEM deve decidir amanhã pela expulsão sumária de Paulo Octávio

Marcos Chagas
Da Agência Brasil

Em Brasília

A Executiva Nacional do DEM deverá decidir amanhã (24) pela expulsão sumária do governador interino do DF, Paulo Octávio, da legenda e pela intervenção no diretório regional da legenda. A posição foi tomada hoje (23) por unanimidade pela bancada do Democratas no Senado, que será levada para a reunião do diretório.

O senador Demóstenes Torres (DEM-GO) informou ainda que, por uma obrigação estatutária, o partido deve conceder um prazo de até 90 dias para a defesa Paulo Octávio. Mais cedo, o deputado ACM Neto (DEM-BA) disse à Agência Brasil também acreditar que a decisão da Executiva caminhe para a expulsão sumário do governante.

“No entanto, acho que ele [Paulo Octávio] antecipará [a decisão], acrescentou o deputado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos