CPI das ONGs convoca promotor de SP para explicar irregularidades na Bancoop

Marcos Chagas
Da Agência Brasil
Em Brasília

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Senado que investiga irregularidades em transferências de recursos federais para organizações não governamentais aprovou hoje (18) a convocação do promotor de Justiça de São Paulo, José Carlos Blat. Ele é responsável pela investigação de repasses irregulares de dinheiro da Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo (Bancoop) para financiamento de campanhas eleitorais do PT. Nenhum parlamentar da base governista participou da votação. Blat será ouvido na próxima terça-feira (23).

A CPI convocou ainda o tesoureiro nacional do PT, João Vaccari Neto, acusado de ter desviado verba para campanhas políticas do partido, quando ocupou cargo de diretoria, entre 2005 e fevereiro deste ano, e o corretor de valores Lúcio Bolonha Funaro

Funaro foi investigado pela CPI dos Correios, realizada de 2005 a 2006, para investigar um esquema de pagamento de propina a parlamentares da base governista para que votassem a favor de matérias do Executivo. Na ocasião, ele teria feito acordo de delação premiada para evitar que fosse denunciado como integrante do esquema.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos