Relator do processo de Arruda no STJ recua e pede revogação da prisão do ex-governador do DF

Camila Campanerut
Do UOL Notícias

O ministro do (STJ) Superior Tribunal de Justiça, Fernando Gonçalves, mudou seu entendimento sobre a prisão do ex-governador do Distrito Federal José Roberto Arruda (sem partido, ex-DEM).  Durante julgamento nesta segunda-feira (12), Gonçalves deu parecer favorável ao pedido de revogação da prisão de Arruda.

“Não mais existem razões para a prisão preventiva”, resumiu o magistrado, que também é relator do caso na Corte. O ministro justificou a decisão ao afirmar que, pelo fato de não ser mais governador, estar doente e preso há quase 60 dias, Arruda não tem mais poder de influir e atrapalhar o andamento do inquérito 650, que investiga o esquema de corrupção no governo do Distrito Federal.
 

Tradutor: Em Brasília

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos