MST protesta em Salvador e negocia em Brasília

Da Agência Brasil

Em Brasília

Cerca de 5.000 integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) montaram acampamento na frente da Secretaria Estadual da Agricultura da Bahia (Seagri). Segundo a assessoria de imprensa do MST, os manifestantes aguardam desde ontem o cumprimento das pautas apresentadas ao governo estadual. A reunião agendada com o secretário de Agricultura, Eduardo Salles, foi suspensa porque não houve acordo sobre a pauta de reivindicações.

Entre elas estão a ampliação e construção de casas para 10 mil famílias assentadas; mecanização e infraestrutura produtiva; equipamentos de irrigação; implantação de dez postos de saúde da família e a construção de 3.000 cisternas nos assentamentos localizados no Semiárido.

De acordo com a diretora estadual do MST, Vera Lúcia Barbosa, caso não haja iniciativa por parte do governo, será preciso pensar em outras formas de mobilização. Mas ela acredita em um acordo: “estou otimista quanto a nossas reivindicações, uma luta como essa não pode ser em vão”.

Ainda hoje (28) será realizada uma reunião na sede do Incra em Brasília entre lideranças do MST, o secretário Eduardo Salles e o presidente do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária), Rolf Hackbart.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos