Força Sindical tenta convencer Lula a evitar veto a reajuste de aposentados

Luana Lourenço
Da Agência Brasil

Em Brasília

 A Força Sindical e outras centrais de trabalhadores vão tentar convencer o presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionar o projeto que prevê o aumento de 7,7% para aposentados que recebem mais de um salário mínimo, aprovado ontem (19) pelo Senado. As centrais vão pedir uma audiência com o presidente nos próximos dias.

O líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), disse que há possibilidade de veto ao reajuste. O governo alega falta de recursos da Previdência para garantir o aumento.

A central sindical argumenta que a aprovação da proposta no Senado “é uma clara demonstração de que a sociedade brasileira quer e aprova esse aumento”. O reajuste, segundo cálculos da entidade, poderá beneficiar 8,3 milhões de aposentados e injetar R$ 6 bilhões na economia.

A proposta inicial do governo, enviada por meio de medida provisória ao Congresso, previa reajuste de 6,14%, retroativos a janeiro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos