Vaccarezza quer votar pré-sal na terça-feira, estreia do Brasil na Copa

Priscilla Mazenotti
Da Agência Brasil
Em Brasília

O líder do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza (PT-SP), garante a votação do projeto sobre os royalties do pré-sal para a próxima terça-feira (15), dia da estreia do Brasil na Copa do Mundo. A Câmara vai analisar novamente o projeto depois das alterações feitas pelo Senado nesta madrugada. Os deputados terão de analisar também o projeto que cria o Fundo Social e o que trata da capitalização da Petrobras, também aprovados hoje.

 

Vaccarezza disse que entrará em contato com os deputados para derrubar a emenda aprovada nesta madrugada (10) pelo Senado. Por 41 votos a 28, os parlamentares aprovaram a emenda do senador Pedro Simon (PMDB-RS), que divide os royalties de maneira igual entre Estados e municípios produtores e não-produtores e atribui à União o pagamento das perdas que Rio de Janeiro e Espírito Santo terão com a nova distribuição dos recursos.

 

 

“O jogo do Brasil é à tarde. Votaremos à noite, depois do jogo. Sabemos que é um período que costuma ter quórum baixo na Casa, mas vamos fazer uma concentração para votar”, disse.

 

 

Vaccarezza foi criticado porque defendeu, há alguns meses, que as votações fossem feitas antes da Copa para que os parlamentares pudessem assistir aos jogos com tranquilidade. O presidente da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP), chegou a pedir que os trabalhos fossem realizados normalmente. Por isso, Vaccarezza quer, agora, que a votação da parte mais polêmica do pré-sal seja feita no mesmo dia da estreia do Brasil na Copa.

 

 

Autor de emenda semelhante quando a proposta tramitou inicialmente na Câmara, o deputado Ibsen Pinheiro (PMDB-RS) também defende a votação da matéria na terça-feira. “É só uma questão de ajustar o horário. Estaremos de fone de ouvido e radinho de olho no telão. Acompanhamos o jogo e depois, votamos”, disse.

 

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos