Topo

Aldo desiste de ser candidato a presidente da Câmara

Fábio Brandt <br>Do UOL Notícias <br>Em Brasília

14/01/2011 16h18

O presidente nacional do PCdoB, Renato Rabelo, informou na tarde de hoje (14) que Aldo Rebelo (PC do B-SP) não pretende mais disputar a presidência da Câmara dos Deputados. A informação foi dada após anúncio, feito via twitter, pela senadora Vanessa Grazziotin (PC do B-AM), de que seu partido vai apoiar Marco Maia (PT-RS) na disputa – o único candidato confirmado até agora.

“O Aldo rebelo chegou a conclusão, juntamente conosco, que ele não iria apresentar o nome dele à presidência da Câmara dos Deputados”, disse Renato Rabelo ao UOL Notícias. Aldo Rebelo confirmou a informação e disse que agora vai apoiar Marco Maia.

“As condições para nossa candidatura eram difíceis”, declarou. Apesar disso, ele continua criticando o acordo de revezamento entre PT e PMDB na presidência da Casa. “É um processo viciado, porque deixa a escolha do presidente da Câmara para menos de 100 deputados”, afirmou.

Outros concorrentes

Ontem (13) o UOL Notícias antecipou que Rebelo havia marcado encontro com Júlio Delgado (PSB-MG) e Sandro Mabel (PR-GO) – outros possíveis candidatos a presidente da Câmara – na quarta-feira que vem (19), em Alagoas, sua terra natal.

Mabel e Delgado disseram hoje (14) que o encontro seria mantido e que Rebelo não os havia comunicado da desistência. “[Ontem] por telefone, fizemos uma avaliação e ele achou que estava ficando difícil para ele. Mas ele não falou que desistiu”, afirmou Mabel.

O deputado do PR se diz “decepcionado de ver todo mundo fazendo composição por causa de uns lugares na mesa”. Para ele, se até o dia da eleição, apenas um candidato se viabilizar. “O que vale um lugar na mesa? Tem que discutir o parlamento. O parlamento precisa de discussão, tem que melhorar tanta coisa, os deputados estão tão desprestigiados, há problemas estruturais”, disse Mabel. “Tem sentimento de decepção, de desilusão”, afirmou Júlio Delgado.

Segundo ele, deputados de partidos que já declararam apoio a Marco Maia tem se mostrado favoráveis a uma candidatura alternativa. “Só mais para frente vamos ter definições”, diz Delgado. A eleição para presidente da Câmara será feita em 2 de fevereiro de 2011. Aldo Rebelo disse que vai receber qualquer deputado que o procure em Alagoas, “sem nenhuma condição”.

Mais Política