PUBLICIDADE
Topo

Política

No retorno ao Twitter, Dilma convida Dilma Bolada para atuar de moto em 'Velozes e Furiosas'

Jeferson Monteiro, autor do perfil Dilma Bolada, a famosa personagem fictícia da presidente, encontrou-se nesta sexta com a verdadeira Dilma - Reprodução/Instagram
Jeferson Monteiro, autor do perfil Dilma Bolada, a famosa personagem fictícia da presidente, encontrou-se nesta sexta com a verdadeira Dilma Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

27/09/2013 14h50

Ao retomar sua conta no Twitter após quase três anos sem uso, a presidente Dilma Rousseff comentou, pela primeira vez, sobre suas “escapadas” de moto por Brasília. A reestreia da presidente na rede de microblogs, com a conta @dilmabr, veio em forma de entrevista ao usuário Dilma Bolada (@ DiImabr, com "i" maiúsculo no lugar do "L" para se diferenciar), perfil fake da mandatária operado por Jeferson Monteiro.

No final da entrevista, Dilma Bolada escreveu: “E pra finalizar, vou esclarecer de uma vez por todas a história da moto... ÊTA PRESIDENTA VELOZ E FURIOSA!!!”. A presidente respondeu: “Sim & me diverti pra valer. Será que você tem carteira para dirigir moto? Se tiver, da próxima vez, podemos atuar no 8º Velozes e Furiosas.”

Dilma se refere à série norte-americana “Velozes e Furiosos”, cujo sétimo filme tem lançamento previsto para julho de 2014.

No final de agosto, a “Folha de S. Paulo” publicou duas reportagens sobre as escapadas da presidente para andar de moto por Brasília. A “aventura” foi relatada ao jornal pelo ministro de Minas e Energia, Edison Lobão (PMDB-MA), que revelou detalhes do episódio. Segundo ele, Dilma teria dito que “sentiu melhor os ares de Brasília”.

O passeio teria sido realizado na garupa de uma Harley-Davidson do secretário-executivo do Ministério da Previdência Social, Carlos Gabas, um aficionado por motos.

Ainda segundo Lobão, a presidente teria ordenado ao chefe da Segurança Presidencial, general Marcos Antônio Amaro, para que ninguém a acompanhasse porque ela queria sentir-se livre. À presidente, ele teria respondido que iria acatar a ordem, mas, por segurança, determinou que homens a acompanhassem de longe.

Dilma teria afirmado ainda que “a vida é cheia de riscos” e “tudo que se faz na vida importa riscos”, segundo Lobão.

Conta no Facebook e Instagram

O último post de Dilma no Twitter havia sido em 13 de dezembro de 2010, antes mesmo da sua posse como presidente. Atualmente, o perfil de Dilma no Twitter segue 599 usuários e é seguido por 1,9 milhão.

A presidente também anunciou sua entrada no Instagram (@palaciodoplanalto), rede social de fotos, e no Facebook. "Vamos ter também um perfil da Presidência no Facebook", postou. A presidente anunciou, via Twitter, a reformulação do Portal Brasil. "Gente, o novo @portalbrasil  vai ser a porta de acesso ao governo do cidadão nas redes sociais."

Jeferson Monteiro, autor da versão fake da petista nas redes sociais, encontrou-se nesta sexta-feira com a presidente no Palácio do Planalto, onde realizou a entrevista virtual, cada um em um computador. Por enquanto, o único perfil seguido pelo Planalto no Instagram é justamente @dilmabolada.

O primeiro post da retomada da conta na rede social foi uma resposta a Dilma Bolada, em que a presidente cobra "bons resultados".

Na entrevista, a presidente falou sobre a espionagem norte-americana. ".@diImabr Países amigos não podem viver sob desconfiança. Um outro comportamento dos EUA para com o Brasil é necessário", postou a Dilma "verdadeira".

Entrevista de Dilma Bolada ao UOL

O perfil Dilma Bolada deu entrevista ao UOL Tabloide no dia em que a presidente comemorou 65 anos. "No que se refere a festas de aniversário, costumo gostar de comemorações que sejam como eu, do meu jeito, ou seja: simples, mas linda; elegante porém animada; agradável para todos e que também seja chique."

Dilma defendeu também no Twitter mais regulação para a internet, como havia feito na Assembleia Geral da ONU nesta semana. "Como disse na ONU. Vamos nos proteger. O novo marco civil da Internet vai ampliar a privacidade dos brasileiros"

O perfil Dilma Bolada perguntou ainda à presidente sobre o programa Mais Médicos. "Agora é hora de sambar e falar do #MaisMédicos, o programa maravilhoso que tinha que ter até no hospital do Cesar de "Viver A Vida"...", disse o fake da presidente.

Dilma respondeu: "Respeito muito os médicos brasileiros, mas traremos médicos de onde pudermos.  Importante é atender melhor a população. Isso é o  + médicos."

A presidente Dilma rebateu também as críticas feitas pela revista britânica "The Economist" à economia brasileira. "Eles estão desinformados. O dólar estabilizou, a inflação está sob controle e somos o único grande país com pleno emprego."

A última pergunta da entrevista foi sobre o passeio de moto da presidente pelas ruas de Brasília, revelado pela "Folha de S.Paulo" em agosto. "E pra finalizar, vou esclarecer de uma vez por todas a história da moto... ÊTA PRESIDENTA VELOZ E FURIOSA!!!", postou Dilma Bolada.

Dilma confirmou o passeio e convidou a "sósia" para um passeio. "Sim & me diverti pra valer. Será que vc tem carteira pra dirigir moto? Se tiver, da próxima vez, podemos atuar no 8º  Velozes e Furiosas."

Política