Topo

Cid Gomes nomeia ex-cunhada como conselheira do TCE do Ceará

Máximo Moura/Assembleia Legislativa do Ceará
O plenário da Assembleia Legislativa do Ceará aprovou a indicação da deputada Patrícia Lúcia Saboya Ferreira Gomes para o cargo de conselheira do Tribunal de Contas do Estado (TCE) Imagem: Máximo Moura/Assembleia Legislativa do Ceará

Do UOL, em Maceió

13/03/2014 10h17

O Diário Oficial do Ceará publicou, nessa quarta-feira (12), a nomeação da deputada estadual Patricia Saboya (PDT) para o cargo de conselheira do TCE (Tribunal de Contas do Estado). O ato foi assinado pelo governador Cid Gomes (Pros).

Patrícia Lúcia Saboya Ferreira Gomes é ex-mulher do secretário de Saúde do Ceará e ex-ministro Ciro Gomes (Pros) e é aliada dos irmãos, que se revezaram no poder nos últimos anos.

A nova conselheira vai assumir a vaga decorrente da aposentadoria do conselheiro Pedro Augusto Timbó Camelo.

Saboya foi escolhida pela Assembleia Legislativa do Estado no último dia 27 de fevereiro. Ela teve todos 35 votos a favor dos presentes. A votação foi secreta. No lugar da parlamentar, assumirá a vaga na Assembleia Adail Carneiro (PHS).

Além de deputada, Saboya já foi vereadora de Fortaleza e senadora. Ela tentou por duas vezes a prefeitura da capital, em 2000 e 2008, mas acabou derrotada em ambas.

Em entrevista logo após a eleição, a nova conselheira disse que todos “ficassem tranquilos” com a possível parcialidade na análise das contas dos irmãos Gomes. “Terei imparcialidade em relação a qualquer tipo de malversação e desvio, se houver, do Estado”, garantiu.

O governador Cid Gomes disse que a escolha do nome da conselheira coube à Assembleia Legislativa, como prevê a lei, e não haveria nada irregular. “Se há algum problema, é na legislação federal”, afirmou.