Topo

Dilma mantém liderança na corrida presidencial, aponta Ibope

Do UOL, em São Paulo

2014-04-17T18:10:39

17/04/2014 18h10

A presidente Dilma Rousseff (PT) manteve a liderança na corrida pela reeleição, de acordo com pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (17). As intenções de voto na presidente, no entanto, apresentaram uma queda de 40% em março para 37% em abril. Mesmo assim, a petista venceria a eleição no primeiro turno por ter mais que a soma dos outros candidatos.

O Ibope mostrou que o senador Aécio Neves (PSDB) oscilou de 13% para 14% entre março e abril. O ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB) se manteve com 6%. 

O pastor Everaldo Rodrigues (PSC) aparece com 2%. Denise Abreu (PEN) e Randolfe Rodrigues (PSOL) ficam com 1% cada. Os demais candidatos não atingem essa marca. Os votos brancos e nulos somariam 24%. Os indecisos ou que não souberam responder representam 12%.

A margem de erro é de dois pontos percentuais para baixo ou para cima. O Ibope ouviu 2.002 pessoas em 140 municípios entre os dias 10 e 14.

Contratada pelo jornal O Estado de S.Paulo e pelas Organizações Globo, a pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral com o número BR-00078/2014.

O cenário é parecido com aquele apresentado pelo Datafolha em 6 de abril. De acordo com este instituto, Dilma tinha 38% das intenções de voto no começo do mês, contra 16% de Aécio e 10% de Campos.

O Ibope também testou um cenário com a ex-ministra Marina Silva (PSB) na vaga de Eduardo Campos, mas a situação mostra pouca variação. Dilma fica com 37%, contra 14% de Aécio e 10% de Marina. O pastor Everaldo Rodrigues surge com 2%. Denise Abreu, Eduardo Jorge (PV) e Randolfe Rodrigues aparecem com 1% cada. Os demais candidatos não atingem essa marca. Os votos brancos e nulos chegariam a 23%. Os indecisos ou que não souberam responder representam 13%.

Apesar de se manter na liderança da disputa eleitoral, Dilma colheu uma notícia ruim na pesquisa Ibope. As avaliações de seu governo e de seu desempenho pioraram em abril.

Mais Política