PUBLICIDADE
Topo

Política

Após 5 anos juntos, empresária anuncia separação de Carlinhos Cachoeira

Carlinhos Cachoeira é fotografado com a mulher, Andressa Mendonça, em 2013 - Rodrigo Nunes - 6.jan.2013/Folhapress
Carlinhos Cachoeira é fotografado com a mulher, Andressa Mendonça, em 2013 Imagem: Rodrigo Nunes - 6.jan.2013/Folhapress

Do UOL, em Brasília

09/09/2015 11h43Atualizada em 09/09/2015 12h27

A empresária Andressa Mendonça anunciou na madrugada desta quarta-feira (9) o fim de seu casamento com o bicheiro Carlinhos Cachoeira. O anúncio foi feito por meio de sua página no Facebook. Andressa e Cachoeira se casaram em dezembro de 2012 logo após ele ter deixado a prisão. Cachoeira foi condenado a 39 anos de prisão por corrupção, formação de quadrilha e exploração de jogos de azar, mas recorre da sentença em liberdade

Em um comunicado postado em seu perfil no Facebook, Andressa disse que, apesar da separação, os anos em que os dois estiveram juntos (cinco no total) “foram excelentes anos de sucesso e boa convivência”.

 

Há quem costume julgar relacionamentos por tempo de duração, avaliando que somente casamentos que "só a morte os separe"...

Posted by Andressa Mendonça on Terça, 8 de setembro de 2015

A empresária disse ainda que ao fim do relacionamento, ambos estão “melhor” do que quando se encontraram. “Deixamos um ao outro melhor do que quando nos encontramos e esperamos que a vida continue nos brindando com aquilo que perseguimos e com o que desejamos um ao outro e a todos: o melhor”, disse a empresária ao final da nota.

CPI terminou sem indiciamentos

Carlos Augusto Ramos foi o personagem central da CPI do Cachoeira, instalada no Congresso Nacional em 2012. A CPI investigou um esquema revelado pela Polícia Federal no qual Cachoeira explorava jogos de azar e outros negócios como um laboratório farmacêutico com o apoio de políticos no Congresso Nacional e nos governos do Distrito Federal e de Goiás.

Em 2012, Andressa foi convocada para depor na CPI do Cachoeira. Ela era suspeita de ter tentado chantagear o juiz federal Alderico Rocha Santos, que era responsável pelo processo de Cachoeira na Justiça à época. O depoimento de Andressa foi marcado por muita expectativa, mas ela se manteve calada durante toda a sessão e foi dispensada. 

Após quase um ano, o relatório oficial da CPI foi rejeitado pela comissão, que terminou sem nenhum pedido de indiciamento

Um dos políticos mais afetados pelas investigações feitas pela Polícia Federal foi o então senador Demóstenes Torres, que à época era do DEM de Goiás. Ele teve o mandato cassado em julho de 2012 depois que escutas da PF revelaram que ele atuaria no Congresso em favor dos negócios do bicheiro. 

Política