Alan Marques/Folhapress

Processo de impeachment

Deputados de Roraima abrem votação com 7 a 1 a favor de impeachment

Do UOL, em São Paulo

  • Gilmar Felix/Câmara dos Deputados

    Deputado Abel Mesquita Jr, o Abel Galinha (DEM-RR), que votou pelo impeachment

    Deputado Abel Mesquita Jr, o Abel Galinha (DEM-RR), que votou pelo impeachment

A votação do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff começou de forma favorável ao seu afastamento. Em Roraima, o placar foi de 7 a 1 a favor do impedimento. Votaram sim os deputados Abel Mesquita (DEM), Carlos Andrade (PHS), Hiran Gonçalves (PP), Jhonatan de Jesus (PRB), Maria Helena (PSB), Remídio Monai (PR) e Shéridan (PSDB). Edio Lopes (PR) votou não.

O resultado desfavorável no Estado já era esperado nas previsões tanto do governo como da oposição. Segundo levantamento feito pela "Folha de S.Paulo", Edio Lopes era o único deputado que poderia manter uma posição contrária ao impeachment.

DEM, PRB e PSDB são partidos que têm posições unânimes a favor impeachment. O deputado Silvio Costa (PTdoB-PE) durante orientação de bancada na tribuna havia dito que os governistas teriam um voto em Roraima. Ele disse que a vitória seria apertada, "com emoção".

"Vitória de Dilma vai ser com emoção", diz líder governista

  •  

Para que o processo de impedimento da presidente seja encaminhado ao Senado Federal, são necessários 342 votos. A votação segue alternando as bancadas Estados do Norte e do Sul. Dentro de cada bancada, segue a ordem alfabética.

 

Siga a votação pelo Placar UOL.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos