PUBLICIDADE
Topo

Política

"Não há dúvida de que houve crime", afirma Romário

Marcos Oliveira/Agência Senado
Imagem: Marcos Oliveira/Agência Senado

DO UOL, Em São Paulo

31/08/2016 09h01

Último a falar na tribuna, o senador Romário (PSB-RJ) destacou a gravidade do momento que requer o afastamento de Dilma. "Não há dúvida de que houve crime e o impeachment é inevitável", afirmou. Ele disse ainda esperar que as divergências que dividiram o país nos últimos meses sejam deixadas de lado depois da votação. "O momento é de reconstrução, de união e de trabalho duro", disse. O senador falou ainda que, seja qual for o resultado, não apoiará nenhuma medida que retire direitos dos trabalhadores. "Não podemos subestimar a crise, mas não podemos deixar que ela nos tire a esperança no futuro", afirmou.

Política