PF faz operação para investigar desvio de verba em Museu do Trabalhador

Do UOL, em São Paulo

  • Aiuri Rebello/UOL/28.set.2016

    Obras do Museu do Trabalhador, conhecido como "Museu do Lula"

    Obras do Museu do Trabalhador, conhecido como "Museu do Lula"

Agentes da Polícia Federal e servidores da CGU (Controladoria Geral da União) cumprem oito mandados de prisão temporária, oito de condução coercitiva e 16 de busca e apreensão na manhã desta terça-feira (13) durante a Operação Hefesta, em São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal.

A ação investiga o desvio de recursos públicos do Ministério da Cultura na construção do Museu do Trabalho e do Trabalhador, de São Bernardo do Campo, no ABC paulista. A estimativa de prejuízo causado aos cofres públicos é de R$ 13 milhões.

Os mandados foram expedidos pela 3ª Vara Federal de São Bernardo do Campo e cumpridos nas cidades de São Paulo, Santos, São Bernardo do Campo, Barueri, Rio de Janeiro e no Distrito Federal. Os agentes estiveram nas secretarias de Obras e de Cultura de São Bernardo do Campo.

O museu foi concebido na gestão do prefeito Luiz Marinho (PT), planejado para contar a história do trabalho e das greves do ABC paulista, que lançaram o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na política.

O prédio tem 5.000 metros quadrados e foi construído graças a um convênio celebrado em 2010 pelo município de São Bernardo do Campo com o Ministério da Cultura, com investimentos que somam R$ 21,6 milhões. A construção começou em 2012 e deveria durar nove meses, mas foram interrompidas em novembro de 2014.

O Ministério da Cultura já repassou ao município R$ 11,1 milhões, do Fundo Nacional da Cultura.

As investigações conjuntas da PF e da CGU apontaram falhas na licitação e na seleção da empresa contratada, superfaturamento por pagamento de serviços não executados; indícios de falsificação de notas fiscais, pagamentos duplos e por serviços não prestados mas comprovados por meio de notas fiscais, entre outras irregularidades.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos