Topo

Homem vestido de cachorro participa de audiência pública na Câmara

Do UOL, em São Paulo

11/06/2019 20h14

Uma participação especial roubou a cena durante uma audiência pública na Câmara dos Deputados na tarde de hoje, cujo tema era "uso de cães beagle como cobaias em teste a pedido da Anvisa".

Durante a sessão realizada pela Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, o deputado Fred Costa (Patri-MG), que conduzia a reunião, chamou um homem vestido de cachorro para se sentar à mesa principal.

Os poucos participantes da audiência riram e aplaudiram o visitante, entre eles 17 deputados e a promotora de Justiça titular da 4ª Promotoria de Justiça de Defesa do Meio Ambiente, Luciana Bertini Leitão. Ela estava falando no momento em que viu o cachorro: "que gracinha", disse a promotora.

Em seguida, o "bicho" foi convidado a se sentar no lugar destinado à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), que não enviou representantes. "Já que a gente não tem beagle, veio o dálmata, e esse a Anvisa não mandou para o sacrifício", disse o parlamentar.

Em outubro de 2013, um grupo de ativistas invadiu o Instituto Royal em São Roque, no interior de São Paulo, arrombou gaiolas e resgatou cerca de 200 beagles. Eles protestavam contra o uso de cães da raça em testes feitos pelo instituto, que trabalha para indústrias farmacêuticas.

À época, o laboratório negou que os animais eram maltratados. Em nota, a SBPC (Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência) ressaltou que as pesquisas atendiam a todas as exigências feitas pela Anvisa.

Mais Política