Topo

Bolsonaro morde medalha em recepção a brasileiros do Pan de Lima

Jair Bolsonaro morde medalha em recepção a brasileiros do Pan de Lima - Abelardo Mendes Jr/ Ministério da Cidadania
Jair Bolsonaro morde medalha em recepção a brasileiros do Pan de Lima Imagem: Abelardo Mendes Jr/ Ministério da Cidadania

Do UOL, em São Paulo

16/08/2019 21h54

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) recepcionou os atletas brasileiros que conquistaram medalhas nos Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru. O encontro ocorreu no Palácio do Planalto.

Durante o evento, Bolsonaro tirou selfies com os medalhistas e até mordeu medalhas, como a de ouro conquistada por Valéria Kumizaki no caratê até 55kg. Além disso, o presidente ainda colocou uma medalha no pescoço e brincou: "você vai ser político, hein".

Em pronunciamento aos atletas, Bolsonaro lembrou da facada que levou durante a campanha no ano passado e disse que a vida dele não é fácil.

"Me identifico em parte com vocês. Lembro de 1968, tinha uma competição no Vale do Ribeira. Um professor resolveu pegar a molecada para dar umas corridas na praça, eu jogava minhas peladas, pescava, andada de canoa, me destaquei de forma excepcional. Acabei me descobrindo que tinha esse dom. Entrei no exército brasileiro, integrei a equipe de pentatlo militar das Forças Armadas. Estive lá por quatro anos.", disse.

"A vida não era fácil. Centenas de horas ralando para lá na frente você botar em prática tudo que você treinou lá atrás, e entrava também a questão psicológica, mas o momento de uma medalha é inesquecível. É para sempre. É um símbolo que, ao botar na parede da sua casa, nos momentos difíceis, você pode olhar para aquilo e falar: 'olha o que eu ralei para conseguir aquilo. Não terei obstáculo que seja impossível de atingir meu objetivo'. Olha a minha situação. Sem televisão, sem partido político, sendo massacrado pela mídia, facada, sozinho praticamente, vencemos esse obstáculo e aqui chegamos para mudar de fato o Brasil. Não é fácil a minha vida", acrescentou.

Mais Política