PUBLICIDADE
Topo

Política

Lula defende impeachment de Bolsonaro por vetar compra de CoronaVac

Ex-presidente Lula -  Reprodução / Lula
Ex-presidente Lula Imagem: Reprodução / Lula

Em colaboração para o UOL, em São Paulo

22/10/2020 16h21

O ex-presidente Lula usou seu perfil no Twitter na tarde de hoje para demonstrar descontentamento com a decisão de Jair Bolsonaro de barrar a aquisição de 46 milhões de doses da CoronaVac, vacina contra a covid-19 desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan. De acordo com Lula, a ação de Bolsonaro é um "crime" e um "motivo para discutir o impeachment".

"Se a sociedade, os partidos e os parlamentares, precisavam de um motivo para discutir o impeachment, Bolsonaro acaba de cometer um crime contra a nação ao dizer que não vai comprar a vacina e desrespeitar um instituto da seriedade do Butantan e toda a comunidade científica.", disse a publicação de Lula na rede social.

Na postagem seguinte, o ex-presidente falou sobre o papel de Bolsonaro na luta contra a covid e chamou a decisão de "crime de responsabilidade".

"Se Bolsonaro não acredita na eficácia da vacina, ele que não tome. Mas o papel de um presidente da República é possibilitar que o povo tenha a vacina a sua disposição. Se faltava crime de responsabilidade, essa foi a maior irresponsabilidade de um presidente que já vi", completou ele.

Política