PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
1 mês

Morre por covid-19 o prefeito de Perolândia (GO), Dr. Jhonatta, aos 44 anos

Morte de Jhonatta pela covid-19 foi lamentada pelo governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), nas redes sociais - Reprodução/Facebook
Morte de Jhonatta pela covid-19 foi lamentada pelo governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), nas redes sociais Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

10/05/2021 11h26Atualizada em 10/05/2021 14h41

O prefeito de Perolândia (GO), Jhonatta Cortez da Silva (DEM), 44, morreu ontem em decorrência da covid-19. Conhecido como Doutor Jhonatta, o político estava internado com o vírus havia pouco mais de duas semanas, desde 24 de abril.

O corpo do prefeito foi velado na Escola Municipal Ulisses Guimarães, em Perolândia, e levado, posteriormente, ao Cemitério Municipal. Apenas pessoas próximas de Jhonatta puderam participar da cerimônia de enterro.

Jhonatta, primeiramente, havia sido internado no Hospital das Clínicas Dr. Neves, na cidade de Mineiros, também no interior de Goiás. Com o agravamento da doença, porém, o prefeito acabou sendo transferido para uma unidade em Goiânia, onde morreu.

Quando Jhonatta foi internado, a prefeitura do município do interior goiano disse que o quadro clínico do prefeito era estável e que a internação havia se dado "por motivos de segurança".

Primeira-dama de Perolândia, Sara Almeida também havia testado positivo para a covid-19 e sido encaminhada ao Hospital das Clínicas de Mineiros. O quadro da mulher de Jhonatta também era estável.

No dia 27 de abril, segundo outro boletim médico, o quadro de Jhonatta era "delicado", de acordo com a prefeitura. "A pressão arterial está alterada, a saturação está baixa e há lesão pulmonar", disse na época.

No dia 30 do mesmo mês, o Executivo municipal anunciou que a primeira-dama havia sido curada e não manifestava mais a presença do novo coronavírus no corpo, enquanto o prefeito encontrava-se "bem, lúcido, sem sedação e sem intubação".

No último boletim médico divulgado, na última terça-feira (4), cinco dias antes do anúncio da morte, a prefeitura afirmou que Jhonatta estava fazendo uso de ventilação não invasiva, "com melhora na oxigenação e boa evolução do quadro".

A morte do prefeito de Perolândia foi lamentada pelo governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), nas redes sociais. "Que Deus possa confortar o coração de todos nesse momento tão difícil", disse.

Natural de Goiânia, Dr. Jhonatta estava no cargo de prefeito de Perolândia desde 2017, tendo sido eleito em 2016 para o primeiro mandato. Em 2020, foi reeleito em chapa composta com Grette Elisa (Cidadania), que assume o cargo com a morte do titular.

Coronavírus