PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
1 mês

Kajuru: André Mendonça vai ao STF para ser office boy de luxo de Bolsonaro

Colaboração para o UOL

01/12/2021 18h54

Em entrevista ao UOL News, o senador Jorge Kajuru (Podemos-GO) afirmou que o ex-ministro da Justiça André Mendonça será o "office boy de luxo" do presidente Jair Bolsonaro (PL) no STF (Supremo Tribunal Federal).

Hoje, a CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado aprovou, por 18 votos a 9, a indicação de Mendonça para uma vaga no STF. Depois, o plenário aprovou a indicação do ex-ministro para o STF por 47 votos a favor e 32 contra.

Na sabatina, Kajuru votou contra a indicação do ex-ministro ao Supremo. O parlamentar do Podemos disse que estava disposto a mudar de posição, caso Medonça "demonstrasse" que seria um ministro do STF diferente e "melhor" do que Nunes Marques.

"[Mendonça] tem preparo e ficha limpa. Mas a ligação com o governo Bolsonaro indica promiscuidade, e não credibilidade", disse Kajuru. "Não posso apoiar e votar um ministro que vai lá ser office boy de luxo do presidente da República."

Para o senador, o ex-ministro conseguirá a aprovação de seu nome para o STF no Senado graças ao trabalho de "formiguinha" feito com os parlamentares, mesmo com Davi Alcolumbre (DEM-AP) sendo "radicalmente contra" a nomeação.

"Vai vencer no vai porque esse é o governo do 'toma lá, dá cá'", afirmou Kajuru.

"O líder do governo Fernando Bezerra me contou e não me pediu off. Ele fez uma reunião com o presidente da República às 7h30 de hoje, junto com Eduardo Gomes, líder no Senado, e com o senador Flávio Bolsonaro. A ordem de Jair foi: apoiar totalmente o André Mendonça, ir para a sessão e ficar lá [até a aprovação]", acrescentou o parlamentar.

Política