Topo

Familiares de vítimas podem desenvolver transtornos psicológicos após 4 semanas da tragédia

Marcela Rahal

Do UOL, em São Paulo

2013-02-08T10:53:35

08/02/2013 10h53

Após a perda de um parente em uma tragédia como a de Santa Maria, onde 238 pessoas morreram no incêndio na boate Kiss, familiares de vítimas podem desenvolver transtornos psicológicos graves como síndrome do pânico, transtorno de ansiedade generalizada, depressão ou ainda, em pessoas mais vulneráveis, o transtorno de estresse pós-traumático, chamado de TEPT e caracterizado por um conjunto de sintomas físicos.

Segundo o psiquiatra do Programa de Atendimento e Pesquisa em Violência da Unifesp, Adriano Resende Lima, o TEPT é uma patologia que pode surgir após um trauma emocional muito intenso. "Os sintomas começam a aparecer a partir de quatro semanas da tragédia", afirma Lima.

O psiquiatra explica que as pessoas começam a evitar situações que lembrem a tragédia. Pode surgir também o aumento de ansiedade e adrenalina, além da tendência à insônia, irritabilidade, impaciência e quadros depressivos.

Veja abaixo trechos da entrevista com o psiquiatra da Unifesp, Adriano Resende Lima, sobre os transtornos psicológicos que podem surgir após uma tragédia:

Mais Ciência e Saúde