Homem deixa de sentir as pernas após usar fixador de dentadura por anos

Do UOL, em São Paulo

  • Getty Images

Um homem de 62 anos de idade perdeu a sensação nas duas pernas após uma desordem neurológica rara causada pelo uso regular e prolongado de um fixador de dentadura de zinco. Foi o que descreveu um estudo de caso inglês publicado na revista científica BMJ Case Reports.

O homem, segundo a publicação do Instituto de Ciências Neurológicas do Hospital Universitário Rainha Elizabeth, foi encaminhado para uma clínica de neurologia após o desenvolvimento de dormência, dor e fraqueza em suas pernas. Os sintomas, que duraram mais de seis meses, chegaram até a impedir o paciente de sair da casa.

A ressonância magnética revelou anormalidades na medula espinhal e, após vários testes, foi diagnosticado a CDM (mielopatia por deficiência de cobre). Uma desordem neurológica rara que pode causar perda de sensação e dormência tanto nos braços como nas pernas.

Nos últimos 15 anos, como informou, o paciente do Reino Unido teria usado semanalmente de 2 a 4 tubos de fixador de dentadura que continham zinco.

O excesso de ingestão de zinco, de acordo com a publicação, pode interferir na absorção de cobre e até causar problemas neurológicos, em casos raros.

O homem foi aconselhado a parar de usar o fixador e a tomar suplementos de cobre para tratar seus sintomas. Ainda assim ele não se recuperou completamente. Os médicos afirmaram que o dano irreversível do nervo pode ser uma consequência de um diagnóstico tardio da CDM.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos