PUBLICIDADE
Topo

Saúde

Conteúdo publicado há
3 meses

DF: leitos de UTI para covid-19 estão 100% ocupados na rede pública

Hoje de manhã, 8 pacientes estavam na fila de espera para tratamento da UTI - Rodrigo Félix Leal/ANPr
Hoje de manhã, 8 pacientes estavam na fila de espera para tratamento da UTI Imagem: Rodrigo Félix Leal/ANPr

Do UOL, em São Paulo

25/01/2022 14h54

Na manhã de hoje, já não havia mais leitos de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) para o tratamento de adultos com covid-19 na rede pública do Distrito Federal, segundo informações atualizadas do InfoSaúde.

Assim, a taxa de ocupação de leitos para adultos está em 100%. A demanda de leitos neonatais, que tratam recém-nascidos e bebês, ficou em 75% na última atualização da plataforma.

Dos 83 leitos da rede pública, 25 se encontravam bloqueados na manhã de hoje. Dados da Secretaria de Saúde do Distrito Federal enviados para o UOL mostram que 11 leitos ainda estão bloqueados.

Com todas as vagas adultas da rede pública sendo utilizadas, 8 pacientes estavam na lista de espera para acompanhamento na UTI hoje de manhã.

A demanda por leitos na UCI (Unidade de Cuidado Intermediário) também aumentou. Nos dados atualizados, 71,11% dos espaços públicos de tratamento constam como ocupados.

Rede privada

Nos locais de atendimento privado no Distrito Federal, a situação é diferente. Dos 123 leitos de UTI para adultos com covid-19, 72 estão ocupados e 51 ainda estavam vagos na manhã de hoje.

Ou seja, há uma ocupação de 58,54% do atendimento intensivo na rede privada. Pelo menos 9 leitos estão bloqueados.

Covid-19 no Brasil

O Brasil completou ontem à noite uma semana de recordes diários consecutivos na média móvel de casos conhecidos de covid-19. O índice ficou em 150.236, segundo dados são do consórcio de veículos de imprensa, do qual o UOL faz parte.

Em 24 horas, foram 90.509 novos testes positivos conhecidos. Desde março de 2020, quando teve início da pandemia no Brasil, o país registrou 24.134.946 casos da doença a partir de testes.

Nas últimas 24 horas, o Brasil também notificou 267 mortes pela doença. No total, 623.412 pessoas já perderam a vida em decorrência da covid-19 no país.

Saúde