UOL Tabloide Tabloide
 

11/05/2004 - 17h40

Joana Prado enfrenta Editor do UOL Tablóide no braço-de-ferro

Pedro Cirne e Rodrigo Flores
Da Redação

Divulgação

Quando eu ia falar, as pessoas paravam pra prestar atenção

Quando eu ia falar, as pessoas paravam pra prestar atenção

Ela dá dicas de beleza, saúde, gastronomia, esportes radicais, cultura... Mas isso lá no site oficial dela. Aqui, no UOL Tablóide, você vai conhecer quem é Joana Prado - seu bom-humor, suas idéias, o que ela acha das pessoas e as pessoas acham dela... E, além de tudo, um brinde: quem é mais forte, Joana Prado ou o Editor do UOL Tablóide?

Editor do UOL Tablóide - Consultamos jornalistas sérios e respeitados sobre o que eles queriam saber a seu respeito. E o que todos eles, sem exceção, querem saber é: qual o seu telefone?

Joana Prado -
Dããã!!!! (risos) É 5531-3539... É o telefone do meu escritório!

Editor do UOL Tablóide - Joana, que imagem você acha que as pessoas têm de você?

Joana -
Depende. O pessoal que acompanha o Note e Anote tem uma imagem. Já os homens, que não acompanham o programa, têm aquela imagem da Feiticeira - de sex symbol, de fetiche... Estou começando a deixar para trás a história da Feiticeira e começando a história da Joana. Tem muita gente que me chama de Joana - não os homens...

Editor do UOL Tablóide - E quando os homens pensam na Feiticeira, pensam no quê?

Joana -
Ah, no Vítor Belfort! (risos) Que medo que os homens têm dele! Eles dizem: "o marido dela é muito grande!" (risos)

Editor do UOL Tablóide - E o que intimida mais os homens? O fato de o Vítor ser gigante ou o fato de você ser você?

Joana -
Ah, eu acho que a Feiticeira intimidava mais, mas que a Joana Prado não intimida. Quando eu usava véu, tinha todo aquele fetiche.

Editor do UOL Tablóide - Quando você surgiu, você não falava muito.

Joana -
Não! Entrava muda e saía calada do programa! Mas acho que isso foi bom, porque ajudou a criar a imagem da Feitceira, aquele mito... Aí, quando eu ia falar, as pessoas paravam pra prestar atenção... Na verdade, elas queriam ver era se eu iria dizer alguma bobagem, mas pelo menos prestavam atenção! (risos)
Existem dois tipos de artistas: os que querem mostrar pra todo mundo que são artistas e os que querem mostrar que são humanos... Eu me incluo nesta minoria!

Editor do UOL Tablóide - E você começou a ser vista mais como Joana Prado após a Casa dos Artistas.

Joana -
Sim! Foi um divisor de águas para mim... E até o fato de eu estar grandona foi bom. Porque, do jeito que eu estava,não iam dizer que eu estava gostosa, ou sexy - eu estava quase do tamanho do Vítor! Eu sabia que eu ia ser malhada no início, que as pessoas iam dizer que eu tinha tomado bomba, que iam me criticar... Mas depois, em vez de só repararem no meu corpo, iam começar a prestar atenção em mim, em como eu realmente sou.

Editor do UOL Tablóide - E que imagem você acha que eu tenho de você?

Joana -
Não sei! (risos) Que imagem você tem?

Editor do UOL Tablóide - Que o seu marido é grande!

Joana
- (risos)

Editor do UOL Tablóide - Na Casa dos Artistas, ele contou uma vez que alguém disse a ele "pô, sua namorada é mó gostosa, né?". E o comentário dele: "Pô, aí eu tive que quebrar o cara!".

Joana -
(risos) Mas na Casa, também... Ele estava... Nem eu reconhecia o Vítor! Imagine um atleta, alguém acostumado a treinar oito horas por dia, trancado naquela casa com aqueles competidores... Lá as pessoas estavam jogando!

Editor do UOL Tablóide - E ele é ciumento?

Joana -
Ele é ciumento... Mas já namorei um cara mais ciumento, que brigava com um fã quando ele vinha me pedir autógrafo. Hoje, se algum fã meio que desrespeita, pede pra tirar uma foto e coloca a mão no lugar errado, ele fecha a cara e briga comigo em casa, sem dar barraco...

Editor do UOL Tablóide - Ah, que bom! Então ele não é tão ciumento... Que eu tava pensando em passar na sua casa depois da entrevista...

Joana -
Tá bom! (risos) Quer jantar lá? Eu faço um bife-sola-de-sapato que é muito duro, mas dá para comer!

Editor do UOL Tablóide - Tudo bem! O seu marido é grande e amacia o bife pra gente!

Joana -
(risos) Nossa, você consegue anotar tudo o que eu falo e ainda olhar para o meu rosto ao mesmo tempo? (risos)

Editor do UOL Tablóide - Consigo, sim! É que eu não quero perder nenhum detalhe!

Joana -
Sei, sei! (risos)

Editor do UOL Tablóide - Antes de encerrar a entrevista, eu queria te fazer uma proposta... Será que você topa?

Joana -
O que é?

Editor do UOL Tablóide - Você é uma garota-saúde, forte e tal... Será que você topa... Um braço-de-ferro comigo?

Joana -
(risos) Topo, é claro!

Editor do UOL Tablóide - Vamos definir um prêmio: se eu ganhar, você me dá um beijo! Se você ganhar, eu te dou dois beijos!

Joana -
(risos) Não! Sem prêmios!

Editor do UOL Tablóide - OK!

(Os competidores se ajeitam)

Joana - Ei, você está torcendo o pulso, não vale! (risos)

(Fim da disputa)

Editor do UOL Tablóide - Ganhei! Ganhei! Ganhei!

Carolina Zaffani (produtora que trabalha com a Joana) - Não acredito que ele ganhou!

Joana (para Carolina) - Eu alivei, é lógico! Tadinho dele, né? (risos)

ps: O site da Joana é sensacional. Mas, ao visitá-lo, cuidado: o marido dela é grande.
ps2: Quer ver íntegra do bate-papo com a Joana? Até pode. Mas cuidado. O marido dela é grande.
ps3: A TV UOL entrevistou a Joana. Cuidado ao assistir, hein? O marido dela é grande.
ps4: O editor do UOL Tablóide não tem marido, que dirá grande. Comente esta entrevista no blog dele sem medo.

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    -0,22
    3,175
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h23

    1,12
    65.403,25
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host