Calote leva bordel feminino à falência

Da Redação
Em São Paulo

Um bordel para mulheres da Europa foi à falência, pouco mais de um mês depois de sua inauguração, porque as clientes se recusavam a pagar o preço cobrado pelo serviço prestado pelos rapagões.

A casa de tolerância diferente ficava na fronteira da Suíça com a Alemanha. Foi inaugurada com muita festa e exoectativa, mas não deu certo e fechou na semana passada.

O proprietário do bordel Angels era o ex-stripper conhecido como Calvin. Ele ficou tão maluco com sua ruína financeira que acabou assaltando um casal de aposentados numa cidade do sul da Alemanha, indo preso logo em seguida.

Ele disse que o seu erro foi cobrar pelo serviço depois da transa, para que os meninos não ficassem muito pressionados. Muitas das mulheres resolviam não pagar, ou pagavam menos do que o combinado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos