Argentino apela para granada para sacar dinheiro em banco

Da Redação
Em São Paulo

Aos gritos de "quero meu dinheiro!" e com uma granada em punho, um argentino conseguiu saltar o "curralzinho" imposto pelo governo de seu país e sacar seu dinheiro do banco, segundo a polícia local.

O caso aconteceu na segunda, na localidade de Tandil, distante cerca de 350 km de Buenos Aires, em uma sucursal do banco Bansud.

Um senhor de mais de 60 anos, segundo os policiais, disse aos funcionários do banco que iriam mandar tudo pelos ares se não lhe entregassem o seu dindim.

Como a maioria dos argentinos, ele sofria as conseqüências de um congelamento de fundos imposto pelo governo para tentar evitar uma fuga em massa dos fundos por causa da crise econômica que o país enfrenta.

Depois da ameaça, os funcionários que estavam no caixa levaram o senhor ao gerente, que liberou imediatamente a grana.

Ainda com a granada na mão e com o dinheiro no bolso, o homem abandonou a agência. Mas logo foi capturado pelos homens da lei. Agora, está em regime de prisão domiciliar, sob cuidados médicos.

Um dos bancários disse que o homem seria um diabético desesperado, que precisava de dinheiro para continuar seu tratamento. Mas a polícia ainda não sabe que fim levaram o dinheiro e a granada.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos